7 dicas para cuidar de dentes sensíveis

 

É aquela velha história: ao tomar um sorvete ou comer algum alimento mais quente em um dia de frio, aquela dor nos dentes logo surge, transformando uma experiência prazerosa em algo desconfortável. Se você sofre com a sensibilidade nos dentes (conhecida clinicamente como hipersensibilidade dentinária), saiba que não é o único. De acordo com dados do Hospital da Face de São Paulo, 4 em cada 10 pessoas apresenta este problema que pode se manifestar, até mesmo, com o simples contato do ar na arcada dentária em dias de temperaturas mais baixas.

Mas isso não significa que você tenha que conviver passivamente com este transtorno. Há uma série de medidas que podemos adotar para minimizar ou combater de modo definitivo a hipersensibilidade dentinária, condição que é causada, dentre outros fatores, pelo desgaste do esmalte que protege outras camadas dos dentes.

Pensando nisso, listamos aqui 7 dicas para que você possa cuidar de seus dentes sensíveis. Acompanhem!

 

1) Cuidar da escovação diária

A primeira dica é básica e indispensável para tratar da maior parte dos problemas odontológicos: a manutenção de uma escovação diária, regular e feita corretamente. Além de prevenir o surgimento de cáries, a escovação, quando em conjunto com o uso do fio dental, combate as placas bacterianas próximas da gengiva e entre os dentes que contribuem para o aumento da sensibilidade.

 

2) Usar cremes dentais com níveis baixos de abrasividade

As substâncias abrasivas dos cremes dentais são importantes para o polimento e a limpeza dos dentes. O problema é que, em excesso, elas podem contribuir para o desgaste do esmalte e para o aumento da sensibilidade. Além dos cremes dentais com baixa abrasividade, opções com alta concentração de flúor podem ser prescritos pelo seu dentista, de modo a aumentar a proteção de seu sorriso.

 

3) Fazer a aplicação de vernizes fluoretados

A aplicação de vernizes fluoretados é outra opção utilizada pelos dentistas para fortalecer o esmalte dos dentes e reduzir a sensação de desconforto de pacientes com hipersensibilidade. Enxaguantes bucais fluoretados podem ser utilizados em conjunto, uma vez por dia, para aumentar a eficácia dos tratamentos.

 

4) Tratar a retração gengival

Em alguns casos, a sensibilidade nos dentes é causada pela retração gengival, que nada mais é do que o processo de diminuição das gengivas que acaba expondo as raízes e causando a sensação de hipersensibilidade. Embora faça parte de nosso processo natural de envelhecimento, em alguns casos mais graves, os dentistas podem tratar o problema por meio, por exemplo, da aplicação de selantes que aumentam a proteção das raízes.

 

5) Usar escovas com cerdas macias

Além do cuidado com o creme dental, o uso de escovas especiais, indicadas pelo seu dentista, contribui com seu tratamento para reduzir a sensibilidade dos dentes. No geral, escovas com cerdas macias são mais indicadas para estes casos.

 

6) Ter atenção com a dieta

A sexta dica de nossa lista envolve os cuidados com alimentação. No geral, é recomendado evitar alimentos e bebidas ácidas (refrigerantes, café, molhos cítricos, cerveja, tomate, limão, etc.) pois elas podem aumentar a erosão do esmalte dentário.

 

7) Visitar seu dentista regularmente

Finalmente, visitas regulares ao dentista são indispensáveis para tratar e prevenir qualquer problema odontológico, ortodôntico ou simplesmente para melhorar o controle de sua saúde bucal. Neste contexto, só o seu dentista poderá lhe indicar o creme dental, a escova correta, os modos de escovação e que tratamento seguir para se livrar de uma vez da sensibilidade nos dentes e poder, finalmente, tomar aquele sorvete sem medo!