Medo de implantes dentários? Realidades e mitos

Em um país onde mais de 20 milhões de pessoas tiveram perda de dentes, o implante se tornou o sonho de consumo de quem deseja voltar a sorrir com segurança. No entanto, muitas pessoas ainda não se sentem seguras para realizar o procedimento pela quantidade de mitos que existem sobre o tema. Desde que ficou popular no Brasil, no começo dos anos 2000, foram muitas as mudanças nas técnicas e nos estudos dos profissionais que realizam o tratamento.

Separamos alguns mitos e verdades para te ajudar a conhecer melhor o tratamento.

1-Qualquer pessoa pode fazer o implante
Em saúde as palavras “todas, nenhuma, sempre e nunca” não devem ser usadas. Algumas vezes o paciente não pode fazer o implante naquele momento ou não pode fazer por uma determinada condição, mas isso não impede que ele venha a poder fazer. O importante em relação ao paciente é que ele tenha um bom estado geral de saúde. Então, a princípio, desde que o paciente esteja saudável, ele pode fazer a cirurgia de implante.

2-Posso ter rejeição ao implante
Mito – não existe rejeição ao material de implante, ou seja, é muito raro que algum organismo rejeite pinos de titânio. O que ocorre com mais frequência, são problemas na cirurgia e no pós-operatório, pela qualidade óssea ou por processo infeccioso, mas não por rejeição ao titânio.

3-O dentista da família não está apto a realizar implantes
Depende – normalmente o dentista da família é um generalista e isso não o torna um mau profissional. O que ocorre com o implante é que quanto mais experiência tem o dentista, melhor o pino será colocado. Como citamos no item acima, os problemas que ocorrem são na cirurgia e isso pode ocorrer também por falta de experiência do profissional. Por isso, a escolha de um dentista especializado em implantes é muito importante. Se o dentista da família for especialista, ele está apto a realizar implantes sim.

4-Se eu fizer o implante, vai ficar artificial
Mito – hoje os materiais usados para confeccionar os dentes artificiais que ficam sobre os implantes são bastante realistas. As resinas ou porcelanas usadas se assemelham muito na cor e textura dos dentes naturais. O importante é que o dentista realize corretamente o planejamento. Já falamos sobre isso em outro post que explica os diferentes tipos de implantes. Leia mais sobre clicando aqui.

5-É possível fazer um implante para cada dente
Verdade – se você perdeu apenas um dente, poderá repor a raiz com um pino de titânio tranquilamente. Porém, nem sempre será aconselhável fazer um implante para cada dente. Tudo vai depender da avaliação do implantodontista. Se a maior parte deles estiver comprometida, em alguns casos, o melhor é realizar uma prótese protocolo, por exemplo. Conheça mais sobre os tipos de implantes aqui.

6-Agora que tenho implantes não preciso mais me preocupar com cáries
Mito – mesmo que você tenha implantes é importante que a saúde bucal continue sempre em dia. As próteses sobre os implantes, mesmo que sejam dente a dente, ficam diretamente em contato com a gengiva e caso não sejam higienizadas com frequência, podem juntar bactérias, inflamando a gengiva.

7-Posso comer todos os tipos de alimentos
Verdade – umas das principais funções do implante é devolver a funcionalidade da mastigação. Após a cirurgia alguns cuidados deverão ser tomados para garantir que haja mesmo a integração óssea. Mesmo após a cicatrização total é importante não esquecer que se trata de uma solução artificial e por isso requer cuidados. Converse com seu implantodontista antes de sair comendo de qualquer jeito.

 

E aí, gostou das informações? Entre em contato conosco e conte o que achou.