Quais as principais causas da dor de dente?

 

Afinal de contas, como podemos definir a dor de dente?

De modo geral, qualquer inflamação que atinge o nervo de um dente irá causar algum nível de dor (em alguns casos, o incômodo pode ser muito intenso) e, dependendo do tempo que se está sentindo o desconforto, é necessário buscar o apoio de um dentista.

Mas quais são as verdadeiras razões para este transtorno? Neste artigo, nós selecionamos as 7 principais causas da dor de dente, bem como, o que você deve fazer na hora que surgir qualquer desconforto. Acompanhe!

 

Cáries

A cárie, certamente, é uma das principais razões para a dor de dente. Conforme as lesões vão aumentando, bactérias e outros agentes agressores podem chegar ao nervo, causando assim o desconforto.

 

Doenças na gengiva

As doenças na gengiva, também conhecidas como doenças periodontais, são outras motivadoras da dor de dente. No caso da periodontite (evolução da gengivite em que ocorrem problemas ósseos), a infecção  na região causa muita dor.

 

Sensibilidade dental

A sensibilidade na raiz do dente, certamente, é uma das principais causas para o surgimento de dores e incômodos. E a sensibilidade dental é mais comum do que se imagina: de acordo com pesquisa recente, por exemplo, a sensibilidade é o principal distúrbio bucal dos brasileiros. A própria sensibilidade, aliás, pode ter muitas causas: da retração na gengiva ao bruxismo.

 

Bruxismo

E por falar em bruxismo, este transtorno também está associado a dor de dente. O bruxismo consiste em uma disfunção que causa o ranger ou o apertar dos dentes, podendo ter diferentes níveis de intensidade e, em alguns casos mais sérios, causar problemas até nas articulações da mandibula. Dentre os principais sintomas do bruxismo, temos um aumento da sensibilidade nos dentes, desgastes dentais e até fortes dores de cabeça.

 

Abscessos nas raízes dos dentes

Os abscessos são inflamações mais profundas na região das raízes dos dentes, com formação de bolsas de pus, que ao atingir um nervo podem causar bastante dor. Em casos mais graves, as bactérias dos abscessos podem ser transmitidas para outras regiões pelo sangue, causando, até mesmo, infecção em outras partes do corpo.

 

Sinusite

Além do bruxismo e de outros problemas nas articulações da mandíbula, as dores de dente podem surgir devido a sinusite ou até mesmo por causa de dores de ouvido. Isso ocorre porque estas inflamações acontecem em regiões muito próximas aos dentes, podendo “refletir” também em seus nervos.

 

Nascimento dos dentes do siso

Finalmente, é comum que haja dor de dente durante o nascimento (ou mesmo em outras fases) dos chamados dentes do siso. Seja pela pressão que esses novos dentes fazem nos vizinhos da arcada dentária, ou mesmo devido a inflamações na gengiva durante o nascimento dos sisos.

 

Como tratar a dor de dente?

A dor de dente só poderá ser corretamente tratada por um dentista, que avaliará também, quais as verdadeiras causas do problema. Nos casos mais graves, os especialistas poderão indicar o uso de antibióticos ou até mesmo obturações, tratamentos de canal ou extrações.

Por isso, caso esteja com dor dente por um período superior a 2 dias e as dores voltam mesmo após o uso de analgésicos ou anti-inflamatórios, não deixe de buscar um dentista para um tratamento seguro.


Quer agendar uma consulta com um dos dentistas da Rede Odontoclinic e curar de vez a sua dor de dente? Agende agora mesmo a sua visita!